Método de foco nos negócios: passo a passo

Ao desenvolver ou lançar um novo produto, serviço ou empresa, você precisa ter uma ideia de quão receptivo será o seu público-alvo. Normalmente, isso é feito através de uma extensa pesquisa de mercado. Um dos principais métodos deste estudo é a criação de um grupo focal.

Um grupo de foco é um pequeno grupo de pessoas, geralmente representando seu público-alvo, com quem você está discutindo seus negócios. O resultado ideal da comunicação com o grupo de foco é uma compreensão mais profunda de como o produto discutido com ele será aceito pelo mercado e quais mudanças (se houver) devem ser feitas antes do lançamento oficial.

Neste artigo, orientaremos você pelo método do grupo de foco: do planejamento de um questionário para um grupo de foco à incorporação dos resultados em sua estratégia de lançamento e geração de economia.

Selecione um tópico para discussão – Antes de começar a trabalhar com um grupo de foco, você deve selecionar um ou mais tópicos para discussão. Lembre-se de que você não poderá examinar detalhadamente cada tópico que deseja discutir em uma breve reunião com o grupo de foco. Por esse motivo, algumas empresas costumam realizar várias reuniões sobre vários tópicos. Por exemplo, se você estiver lançando um novo produto, poderá se concentrar com um grupo de foco em marketing e posicionamento de marca e outro na usabilidade e funcionalidade do próprio produto.

Designe quem fará as anotações – Uma reunião com um grupo focal deve ser realizada por pelo menos uma pessoa; ainda vale a pena nomear alguém que fará anotações durante a discussão. Porque o facilitador orienta e controla a discussão, durante a qual novas idéias são desenvolvidas. Ele terá que interromper constantemente para tomar notas, o que afetará negativamente o resultado da reunião. Para evitar isso, designe alguém para fazer anotações: anote decisões comuns, respostas únicas e dignas de nota, principais conclusões.

Analisar feedback – Idealmente, seu grupo de foco forneceu muitos comentários, notícias, perspectivas únicas e ideias práticas para ajudar sua empresa a prosperar. Após as discussões de todos os grupos focais, peça à sua equipe para coletar e analisar os pontos gerais de todas as revisões e determinar quais alterações, se houver, devem ser consideradas para melhorar o produto, serviço ou página de destino.

Felipe Arrais da Empiricus fala sobre a variação do dólar

Os últimos meses foram marcados pela valorização do dólar frente ao real. Em Setembro, por exemplo, foi o primeiro mês da história em que a moeda norte-americana fechou acima de R$ 4,00 na venda, chegando a máxima de R$ 4,18. No último dia de setembro, durante a última sessão daquele mês, o valor ficou em R$ 4,15.

De acordo com Felipe Arrais, editor da Empiricus, o câmbio varia conforme vários fatores além da lei da oferta e da procura. Esse cenário pode ser bom para o mercado nacional, em especial para bolsa de valores, já que representa mais investimentos no país. Também é possível evidenciar uma situação contrária, em que a condição instável do mercado gera fuga de capital do país, reduzindo a oferta da moeda estrangeira e elevando seu preço.

pontos positivos e negativos na variação cambial, contudo no geral, há mais desvantagens com essa alta. Entre os positivos é possível destacar o aumento da competitividade dos produtos exportados, que ficam mais baratos e consequentemente há um aumento nas vendas, na geração de empregos e na entrada de capital estrangeiro, ressaltou o editor da Empiricus.

Já os pontos negativos são: possibilidade do aumento do desemprego, uma vez que há empresas com dívidas em dólar e sua valorização torna essa empresa mais endividada. Ela tem que reduzir custos e uma das saídas é reduzir o quadro de funcionários.

Além disso, a alta da moeda norte-americana faz com que os produtos importados fiquem mais caros, ocasionando no conhecido “repasse cambial”, quando os produtos estrangeiros ficam mais caros e ainda influenciam na alta de outros produtos, em especial seus substitutos. Nesse sentido, a procura por esses substitutos cresce e ele fica mais caro.

Também há questão do barril de petróleo, cujo preço é medido em dólar. Dessa forma, a alta da moeda impacta no preço praticado nos postos de combustível e como mais de 60% das mercadorias que circulam no país são transportadas por via terrestre, por caminhões e carretas, essa alta no dólar impacta negativamente no consumo e na vida dos brasileiros. O editor da Empiricus ressalta que o preço do transporte de cargas corresponde ao percentual de 30 a 40% do valor dos produtos.

Há uma solução

De acordo com o co-CEO da Empiricus, Felipe Miranda, a variação cambial possui grande imprevisibilidade, assim, ninguém pode prever com exatidão se o câmbio vai subir ou descer. Para ele há duas sugestões para lidar com essa variação.

A primeira delas é para o investidor brasileiro, que deve levar em consideração o fato de compor uma carteira com investimentos em dólar. Essa atitude preserva a formação do patrimônio no decorrer do tempo. É uma ideia também defendida por Arrais, que acrescenta que uma parte dolarizada no portfólio de investimentos pode proteger o patrimônio em momentos conturbados. A segunda sugestão do co-CEO da Empiricus é a compra gradual de dólares para quem vai viajar para o exterior. Ele exemplifica uma viagem que será feita em seis meses e que durante esse tempo, recomenda a compra mensal da moeda estrangeira. A medida ajuda a construir um preço médio favorável, reduzindo as chances de cotação muito alta no momento em que decide comprar dólares para a viagem.

Como criar uma página de destino para celular que gera leads

As páginas de destino para atrair leads diferem dos sites tradicionais em muitos aspectos, especialmente quando se trata de plataformas móveis. Hoje, mostraremos como usar essas diferenças para aumentar a conversão de suas páginas de destino para celular.

Navegação – Embora a barra de navegação seja considerada um elemento-chave de qualquer site, ela não deve ser usada em desembarques projetados para gerar leads. O excesso de links, notícias e menus pode distrair as pessoas da chamada à ação principal. Você pode adicionar esse componente à página já após começar a converter com êxito visitantes em clientes / assinantes / leitores pagantes.

Quanto ao logotipo, não é necessário excluí-lo – no contexto do pouso móvel, é mais uma parte da marca do que uma distração.

Formulário de chumbo – Ao implementar esse elemento em um pouso móvel, você deve considerar vários fatores significativos:

Canal – Os usuários sempre devem acessar seu formulário com no máximo três deslizamentos. Idealmente, na primeira tela, eles precisam mostrar o elemento visual envolvente e o cabeçalho, na segunda – um parágrafo explicativo e uma pequena lista de benefícios (se necessário), e na terceira – a própria forma.

Marcas de confiança – A necessidade de usar marcas de confiança nas páginas de destino para dispositivos móveis é determinada pelo conteúdo que você oferece aos visitantes ou como planeja interagir com eles depois de receber informações de contato.

Mas quando o valor percebido da oferta depende do conhecimento e das habilidades da equipe por trás dela, é necessário colocar sinais de confiança na página. Nesse caso, você precisa mostrar aos líderes que você satisfez os clientes que estão prontos para garantir as oportunidades e o profissionalismo da sua empresa.

Ao colocar logotipos de marcas famosas ou críticas lisonjeiras de personalidades autorizadas do seu setor em um patamar, você pode atrair mais efetivamente os clientes em potencial certos (ou seja, aqueles que estarão prontos para entrar no funil de vendas após receber o conteúdo).

Rodapé – As páginas de destino para dispositivos móveis que geram leads podem conter um rodapé, mas devem ser diferentes do rodapé do site principal. Coloque aqui links para os termos de uso, política de privacidade e outras páginas relacionadas ao gerenciamento de dados da sua empresa. Para os clientes em potencial, isso adicionará mais alguns pontos à sua reputação.

Principais maneiras de distribuir conteúdo

Para promover um site na pesquisa, a promoção do site nas mídias sociais requer conteúdo, muito conteúdo. Novidades e atualizações regulares de conteúdo são alguns dos fatores de classificação do Google. Os sites de informações que param de atualizar o conteúdo caem bastante nos SERPs.

Oferecemos as principais maneiras de reutilizar e distribuir conteúdo  que não apenas facilitará o trabalho, mas também ajudará o site a aparecer na página inicial do Google impulsionando a economia de seus negócios online.

E-book – Analise as publicações do site, identifique os principais tópicos. Veja quais tópicos são de maior interesse para o público e, assim, eles atraem mais tráfego. Uma seleção de publicações sujeitas se transformará em um excelente e-book. E se designers anteriores estiveram envolvidos em sua criação, hoje um programa Designer bastante simples é suficiente.

A página de destino de um e-book exigirá uma descrição otimizada que defina as principais vantagens da coleção, um breve resumo, vantagens e benefícios. E-book é um ótimo ímã de chumbo. Os usuários interessados ​​trocam contatos por uma porção de brindes informativos.

Vídeo – O vídeo está se tornando o tipo de conteúdo mais popular para um público online ativo. O Google inclui conteúdo de vídeo nos resultados na página inicial. Para criar um vídeo de alta qualidade com base em publicações, você pode usar ferramentas acessíveis. As ferramentas adicionam imagens e símbolos gráficos, voz e acompanhamento musical.

Infografia – Infográficos é um dos tipos mais virais de conteúdo. As tabelas de qualidade recebem instantaneamente curtidas e republicações nas redes sociais. Uma das fórmulas mais eficazes para atrair tráfego e receber sinais sociais é a criação de um suplemento longread + para a publicação de infográficos que resumem brevemente a publicação.

Os infográficos são um dos tipos mais eficazes de conteúdo para obter links de entrada de qualidade. Se a imagem for otimizada corretamente, a publicação será classificada nas imagens do Google.

Newsletter – Os boletins de notícias ainda são eficazes para manter o envolvimento do usuário. Essa é uma ótima maneira de transmitir informações rapidamente aos clientes. Com o uso correto dessa ferramenta, você pode obter excelentes retornos.