Fernando Iunes entra para a equipe de sócios da gestora EB Capital, chefiada por Duda Sirotsky

Com a chegada do novo sócio, a empresa de investimentos realizou um segundo movimento societário em cinco meses.

Em setembro de 2019, a gestora de private equity EB Capital, cujo fundador é o renomado empresário brasileiro Duda Sirotsky, juntamente com Luciana Ribeiro, Pedro Melzer e Pedro Parente, passou a contar com mais um sócio. Trata-se de Fernando Iunes, formado em engenharia civil, com mestrado e doutorado pela Universidade de Londres, e que, por mais de 20 anos, foi sócio no banco Itaú BBA, sendo responsável pela coordenação de mais de cem processos, além da participação de operações de aquisição e fusão e reorganizações societárias.

Para Duda Sirotsky, a chegada desse novo integrante é vista como uma oportunidade de mercado, por meio de grandes projetos que necessitam de profissionais com um alto nível de experiência. Dessa forma, a EB Capital passou pela segunda mudança no período de cinco meses, pois em abril de 2019, o administrador e presidente do conselho de administração da multinacional BRF, considerada uma das maiores empresas de alimentos do mundo, Pedro Parente, entrou para a equipe.

A expectativa de Fernando Iunes é muito boa, tendo em vista sua identidade de valores e princípios com os sócios da EB Capital, destacando a importância de construir uma plataforma expressiva de private equity no país. Isso porque, com a taxa de juros em baixa, houve um aumento na descoberta de ativos pelos investidores, fato este que fortalece a atividade de private equity.

A EB Capital foi inaugurada em 2017, na cidade de São Paulo, por Duda Sirotsky, Pedro Melzer e Luciana Ribeiro. Até o final do ano de 2019, a gestora administrava cerca de R$ 700 milhões em investimentos por intermédio de dois fundos. O foco da empresa são os investimentos em médio porte, denominados “middle market”, que estão evoluindo e/ou se modificando. Logo, os recursos são originados dos sócios e de investimentos nacionais e internacionais, a incluir as “family offices”, empresas que gerenciam fortunas familiares.

Quanto aos investimentos realizados, Duda Sirotsky já apostou em dez empresas, principalmente as que atuam nas áreas de tecnologia, telecomunicações e distribuição. Os exemplos são: a BR Supply, que desenvolve um trabalho de suprimentos para empresas; a Sumicity, que trabalha com internet banda larga; e a Wine, grande empresa no ramo do e-commerce de vinhos.

E a sólida carreira profissional de Duda Sirotsky ganhou notoriedade quando ele era presidente e chairman do grupo midiático RBS, localizado no Rio Grande do Sul, focado no jornalismo e entretenimento de credibilidade. Formado em Administração pela PUCRS, com MBA pela Universidade de Harvard, nos Estados Unidos, foi peça chave para a trajetória de sucesso do referido grupo, causando uma verdadeira transformação no mercado da comunicação, com mais de 60 anos de fundação.

Além disso, é criador e parceiro da e.Bricks Digital, empresa de investimentos no setor digital brasileiro e americano. Em 2015, fez parte do rol de líderes do Cambridge Institute for Family Enterprise, composto pela nova geração de famílias empresárias. No mesmo ano, conquistou o prêmio Empreendedor do Ano na categoria Family Business, realizado pela Ernst & Young.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *