Brasil deve cumprir meta de igualdade de gênero estabelecidas pela ONU até 2030

Conseguir igualar os direitos e deveres de homens e mulheres no Brasil está entre os 17 ODS (Objetivos de Desenvolvimento Sustentável) firmados para serem cumpridos até 2030. São 193 países incluindo o Brasil que deverão cumprir com esses objetivos. Os países incluídos no plano de metas fazem parte da ONU (Organização das Nações Unidas). As notícias sobre a ODS pretendida pelos países colaboradores foram lançadas no site do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) e sites ligados ao assunto em março de 2019.

Os objetivos foram estabelecidos com base em diversos estudos que apontam a igualdade de gênero como uma das principais formas de uma sociedade tornar-se sustentável. No Objetivo 5, que trata sobre a igualdade de gênero, existem ao todo 14 indicadores que apontam essa necessidade de igualdade para um crescimento pleno da sociedade. Além disso, existem outros 40 indicadores com uma quantidade considerável de dados ligados de certa forma a questão do gênero em outros ODS.

Aqui no Brasil, o responsável por articular a elaboração dos indicadores é o IBGE. Esses indicadores são construídos pelo instituto e lançados na Plataforma ODS Brasil, disponibilizando as metas para que o objetivo de igualdade de gênero possa ser alcançado até 2030.

De acordo com Barbara Cobo, coordenadora de População e Indicadores Sociais do IBGE, os dados lançados para estabelecer cada ODS

conseguem desmistificar esse assunto. “Aqui no Brasil, quando estamos falando sobre gênero tudo gira em torno de opiniões, e em muitas vezes opiniões sem fundamentos. A tão sonhada igualdade de gênero entre homens e mulheres é no sentido de liberdade, de direitos, de deveres, de escolhas, com mais opções para as mulheres que ainda sofrem com o preconceito machista da sociedade”, diz Barbara.

Os indicadores dos ODS elaborados pelo IBGE aqui no Brasil serviram como base de comparação internacional sobre a questão de igualdade de gênero. Existem relatórios que no momento podem dar uma comparação de como o assunto é abordado e discutido em diferentes países. São relatórios como os do Fórum Econômico Mundial desenvolvidos pelo Pnud (Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento).

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *